Páginas

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Como Testemunhar À Uma Testemunha De Jeová - Ray Comfort

Eu corri para descer a escada ao som de um cão latindo e nossa campainha. Quando eu a abri, dois rapazes bem vestido na minha frente. Eu os cumprimentei com um caloroso, "Oi", a que um deles perguntou em perfeito Inglês, "Você conhece qualquer família de língua espanhola por aqui?"

"Na vizinhança existe uma família que fala espanhol. Do outro lado da estrada, há uma família da Indonésia, em seguida, uma indiana, depois, um inglês, e eu sou chinês. Quer ver uma foto de mim em um cruzeiro?"

Eles educadamente disseram que não, então eu rapidamente abri minha carteira e mostrei-lhes uma imagem de Tom Cruise com a palavra, “EU,” na sua testa. Eles riram.

"Então o que é que vocês estão vendendo?"

"Nada."

“Vocês são mórmons?"

"Não."

“Testemunhas de Jeová?"

"Sim".

“Diga-me. Eu tenho uma faca nas costas. Tenho três minutos para viver. Meu sangue e vida estão sendo drenada de mim. Eu sei que vou morrer. O que você vai dizer para mim. Como eu posso entrar no Reino?”

Eles olharam um para o outro. Em seguida, olharam para mim. Houve um morto silêncio. Era óbvio que eles não sabiam o que me dizer.

"Vamos lá pessoal. Estou morrendo. Tenho três minutos!"

Um deles disse, "eu não sei. Há muitas coisas que você tem que fazer." As outras em um eco, “muitas”.

Então o primeiro disse "Você tem que aprender. Você tem que adquirir conhecimento..."

“E sobre o ladrão na cruz? Qual o conhecimento que ele recebeu? Como ele pode aprender alguma coisa? Ele não podia virar as páginas de um livro - ele foi pregado a uma cruz. Ele provavelmente não podia ler nada. Mas Jesus disse-lhe, "Hoje você vai ficar comigo no Paraíso".

"Temos que ir agora."

"Vamos lá pessoal. Isso é importante. Gostaria de saber como entrar no Reino de Jeová. Quais são seus nomes?"

"Jonathan".

“Javier".

"Vocês se consideram boas pessoas?"

"Um... Sim."

"Você já disse uma mentira?"

"Sim".

“O que isso faz de você?"

"Um mentiroso."

Javier disse que ele havia roubado e depois ficou muito quieto. Jonathan disse que nunca tinha roubado perfídia, nem sequer olhou para uma mulher com luxúria. Nunca.

"Você é gay?"

"Não."

"A razão pela qual ainda não fiz isso porque eu nasci na verdade."

Eu expliquei, "Temos de enfrentar uma perfeita Lei no Dia do Juízo e não há nada que você e eu podemos fazer para nos salvar. Só o sangue de Jesus. Ele morreu por nós. Ele tomou o nosso castigo sobre si e, agora, Deus pode nos salvar através de sua misericórdia. É por isso que o ladrão foi salvo. Ele não fez nada para salvar-se porque ele não podia. Só Deus dá misericórdia e da graça para nos salvar. A Bíblia diz: 'Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso não vem de vós; é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie’. "Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas, segundo sua misericórdia, nos salvou”. Apocalipse 21:8 diz que todos os mentirosos terão sua parte no lago de fogo. Por isso que você precisa de Jesus Cristo, para levar seus pecados para longe. No momento em que você se arrepender e confiar nele, Deus vai te perdoar e te concederá a vida eterna.”

"Mas estamos fazendo o que Jesus fez."

"Ele ia de porta em porta?"

"Sim. Ele passou pelas cercanias e pregou o evangelho".

"Mas você está pregando o evangelho diferente daquele que ele pregava. A Bíblia diz que não há nada que você e eu podemos fazer para merecer o favor de Jeová - para ganhar a vida eterna. Somos salvos pela misericórdia de Deus. Essa é a forma como o ladrão na cruz pode ser salvo. Nós não somos salvos por fazer alguma coisa.”

"Isso quer dizer que eu posso acreditar em Jesus e, em seguida, tornar a mentir e roubar?"

"Não. Isso é hipocrisia, e os hipócritas não vão entrar no Reino. Você tem que somente se arrepender e confiar em Jesus Cristo para a sua salvação, e não tentar subornar a Jeová. Eu não devo fazer boas obras e pregar o evangelho para ser perdoado. Faço isso porque estou perdoado, e que a diferença é a vida e a morte, céu e inferno. Obrigado, amigos, por falarem comigo.”

"Obrigado."

Não houve argumentos sobre a divindade de Cristo, porque eu não deixei que a conversa fosse nessa direção. É importante lembrar que as Testemunhas de Jeová vêm os cristãos como errados "Trinitarismo", enquanto eles vêem a si próprios como protetores da glória de Jeová. Então eles vão ser incrivelmente teimosos de Jeová, sobre a questão da partilha de Sua glória com outro.

Quando Pedro disse que Jesus era o Cristo, o Filho do Deus Vivo, Jesus lhe disse, "Bendito és tu, Simão Bar Jonas, não foi a carne e o sangue que revelou isto a você, mas meu Pai que está nos céus," (Mateus 16:17). Assim, penso que a melhor maneira de alguém descobrir quem é Jesus, é por revelação do próprio Deus. Se eu tivesse começado citando versos bíblicos para fazer algum ponto sobre Jesus sendo Deus - "E, sem dúvida alguma, grande é o mistério da piedade: Aquele que se manifestou em carne foi justificado em espírito, visto dos anjos, pregado aos gentios, crido no mundo e recebido acima, na glória” (1 Timóteo 3:16, itálico acrescentado) ou" No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus" (João 1:1, itálico acrescentado) que teria começado citando de cor e, em seguida, eles teriam caído de volta no argumento da única e verdadeira tradução. Testemunhas de Jeová também negam a existência do Céu e inferno. Eles acreditam no aniquilamento, e que o Reino de Deus virá a esta terra, e será criado por milhares de anos. Os cristãos não podem sequer chegar ao acordo sobre questões das profecias e, por isso, deliberadamente permanecem afastado delas.

Tudo o que fiz foi segurar a verdade contra o erro e deixei os resultados nas mãos de Deus. Charles Spurgeon disse: "Ouvi dizer que se houver um pau torto, e pretende mostrar como é torto, não precisa de palavras resíduas na descrição. Pegue uma reta e coloque ao lado dela, e a coisa é feita diretamente.”

Todas as religiões têm as suas raízes na idolatria. Eles têm uma compreensão errada da natureza de Deus e a Seus virtuosos atributos. Quando você olha atentamente as suas crenças, torna-se evidente que são confeccionados dos ramos infrutíferos de auto-retidão. Eles pensam que podem subornar Deus com suas obras. Tal como os judeus do qual Paulo falou - eles sempre estabelecerão a sua própria justiça, sendo ignorantes da justiça, que é de Deus (cf. Romanos 10:3). A lei coloca o machado à raiz. Revela uma perfeita retidão e mata esperança de auto-salvação. Ela mostra a pessoa farisaica que o salto que ele está tentando fazer para o Céu é infinitamente além do seu alcance.

Eu tinha percebido que Javier havia se safado de acordo com o que eu estava dizendo. Quando ele perguntou novamente o meu nome, olhei diretamente para ele e disse que eles poderiam voltar a qualquer momento. Nós apertamos as mãos e saímos em boas condições. Eu entrei me sentindo muito bem porque eu tinha evitado fazer o que a Bíblia diz que não se deve fazer - para argumentar:

“E rejeita as questões tolas e desassisadas, sabendo que geram contendas; e ao servo do Senhor não convém contender, mas sim ser brando para com todos, apto para ensinar, paciente; corrigindo com mansidão os que resistem, na esperança de que Deus lhes conceda o arrependimento para conhecerem plenamente a verdade, e que se desprendam dos laços do Diabo (por quem haviam sido presos), para cumprirem a vontade de Deus.”

(2 Timóteo 2:23-26)

Fonte: The Way of The Master

Nenhum comentário:

Postar um comentário